terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Carlinhos da COHAB detona Diogo Moraes, diz que Diogo tem inveja de Zé Augusto Maia e que ele tentará enganar os Taboquinhas em 2018

Líder da bancada Taboquinha na Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, Carlinhos da COHAB enviou nota ao blog na tarde deste domingo, onde ele deixou clara sua insatisfação, diante a possibilidade de setores do grupo de oposição apoiarem o projeto de reeleição do deputado estadual Diogo Moraes. Carlinhos foi duro e elencou o que para ele são fatores suficientes para que eleitores do bloco oposicionista não abracem a candidatura de Diogo na eleição do próximo mês de outubro.

Confira abaixo a nota:

Quero falar aos amigos. Ao senhor e a senhora,  aos Taboquinhas. Taboquinhas esses que se uniram na campanha de Fernando Aragão, campanha essa que deixou um gostinho de quero mais. 

Taboquinhas esses que se lembram de um passado não muito distante onde o partido perdeu as eleições e foi abandonado pelo seu líder. Líder que eu dou nome e sobrenome: Oséas Moraes, que até se mudou de Santa Cruz do Capibaribe, dando as costas ao povo que lhe deu votos e que acreditava nas suas conversas, deixando o partido órfão e a sua própria sorte.

Depois que o partido, denominado na época grupo Cabecinha estava acabado, surgem dois homens com vontade de trabalhar.

Eis que Zé Augusto e Fernando conseguem de Miguel Arraes o apoio necessário para reerguer o partido e até o nome do grupo Cabecinha mudou para Taboquinha com a conquista da água de Tabocas. Com aquela conquista o grupo volta, após anos, ao poder. Zé Augusto pelo seu trabalho conseguiu ser o melhor prefeito da história de Santa Cruz do Capibaribe.

Com a chegada de Zé Augusto à prefeitura a mudança foi radical. A cidade viveu tempos de prosperidade e segurança. Zé compôs sua chapa com duas pessoas da zona rural, que surfaram na onda de trabalho e se aproveitaram dessa condição. Foram eles Toinho do Pará e Zé Elias.

Na sequência, Zé Augusto, por ainda acreditar que Toinho iria dar continuidade ao seu trabalho, colocou ele e seu vice Zé Elias para comporem uma chapa. Nesta mesma eleição surge na cena política, depois de anos de abandono e vendo que o partido tinha se reerguido pelo trabalho de Zé Augusto, os Moraes. Eles aparecem e lançam Diogo para vereador. 

Dois anos depois, com marketing e recursos do governo do estado Diogo Moraes se lança deputado estadual com o intuito de acabar com Zé Augusto e tomar o seu lugar, mas seu intento não se concretizou, pois Zé Augusto conseguiu se eleger deputado federal.

A inveja de Diogo de Zé Augusto fica a cada dia mais evidenciada. Diogo se junta a Edson Vieira e o apoia para prefeito. 

Mas essa união, apoiada na inveja, na malícia e no desejo de conquistar o poder a qualquer preço teve seus dias contados. Diogo e Edson travam uma briga, simplesmente por mais poder. Diogo mostra que seu jeito sombrio de fazer política permanece bem afiado. Ele agora tenta, de toda maneira, enganar os Taboquinhas. Mas sua máscara já é conhecida e seu modo de operar está sendo mostrado. Ele tenta jogar para os Taboquinhas que esta briga com Edson é benéfica para o povo, mas não é. Essa briga só é boa para os planos de Diogo, que é se perpetuar no poder.

Não podemos cair nessa. Temos que ficar atentos e não ser ludibriados pelos cantos das sereias dos Moraes.

Temos vários exemplos de pessoas que foram menosprezadas e até expulsas dos Bocas Pretas e foram recebidas nos Taboquinhas e depois deram o pagamento, entre elas Nanau e Zé Elias. Toinho do Pará se rendeu ao empreguinho e também deu às costas ao grupo Taboquinha.

Por isso vou estar firme e forte com os Taboquinhas e com Zé Augusto Maia para estadual.

Carlinhos da COHAB
Líder da bancada Taboquinha


Informações Blog do César Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário