quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Comandante fala sobre polêmica transferência de policiais e cita aumento de roubos e furtos na área do 24º BPM

Na manhã desta quarta-feira (23) o Comandante do 24º Batalhão de Polícia Militar lotado em Santa Cruz, Tenente-coronel Aleixo, falou sobre uma reunião realizada no dia anterior.
A reunião contou com a presença do prefeito Edson Vieira (PSDB), de seu vice Dida de Nan (PSB) e também de vereadores da base aliada onde, segundo o comandante, foi tratada a problemática da insegurança em Santa Cruz.
De acordo com Aleixo, o 24º BPM vem atingindo as metas quanto do Pacto pela Vida quanto ao número de homicídios, mas também enfatizou a grande quantidade de assaltos.

Número de homicídios estaria diminuindo

De acordo com o comandante, os números de homicídios estariam diminuindo nas cidades que são de cobertura do 24º BPM, onde ele citou o comparativo com 2016.

“Houve um aumento no primeiro semestre, mas no mês de junho teve queda, mas não atingimos a meta de diminuir mais de 12% (estipulado pelo programa Pacto pela Vida). No mês de julho batemos a meta e agora no mês de agosto, estamos batendo essa meta. Estamos com cinco homicídios em nossa área; não gostaríamos que tivéssemos nenhum, mas a meta estabelecida no Pacto pela Vida para esse mês de agosto é de 15 e estamos com cinco”.

Aumento de roubos e furtos

Já quanto aos crimes contra o patrimônio, o mesmo citou que não há redução e sim aumento na taxa, mas segundo o mesmo, em proporções menores que outros locais.

“Quanto aos CVPs, que são os crimes contra o patrimônio, nós temos o segundo menor índice da região, mas isso não quer dizer que estejamos diminuindo. Está aumentando em todo o estado, mas na Zona da Mata e Agreste, que faz parte da Dinter 1, em média aumentaram em 35%, mas na região do 24º BPM, aumentou 25%. É o segundo menor índice de aumento” – disse.

Falta de mais policiais nas ruas e transferência de PMs

Um ponto polêmico abordado foi quanto a transferência de policiais para outras unidades do Estado, já que informações davam conta que, pelo menos, 60 deles haviam sido transferidos. Sobre isso, ele disse disse:

“Não tivemos essas 60 transferências, mas expusemos ontem um déficit de 28 transferências no processo de adequação, de reoxigenação do 24º BPM. Com relação ao efetivo, o diretor da Dinter 1 está ciente dessa nossa deficiência e prometeu que esse efetivo será recomposto agora com a distribuição dos novos recrutas. Quanto a números de policiais a virem para Santa Cruz, o Comando Geral não divulgou essa distribuição, mas informou que Santa Cruz será bem contemplada” – pontuou.

Ainda segundo ele, seis ou sete viaturas fazem o patrulhamento diariamente no município e falou sobre parcerias com a prefeitura que, segundo ele, irão melhorar algumas áreas como a Patrulha Escolar e a Operação Duas Rodas (com foco em assaltos praticados por bandidos em motos).

Informações Ney Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário